/ Portal educacao / Blog do portal / Artigo - Responsabilidade Civil MГ©dica na Medicina EstГ©tica

Aspectos da responsabilidade civil objetiva - Civil



6. Se você quer convencer algué m de alguma coisa, o melhor é deixá -lo chegar à conclusã o sozinho, em vez de você impor a sua.

AJ Leilões

Parecia impossí vel, mas normalmente conseguí amos. Tê m frases mais curtas, tê m formas mais econô micas, tem muita linguiç a para retirar.

Como Escrever Um Bom Artigo - Blog do Stephen Kanitz

Escreva as suas experiê ncias ú nicas, as suas pesquisas bem sucedidas, ou os erros que já cometeu.

Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) - Capa — Planalto

Protesto geral, toda frase era preciosa, nã o dava para tirar absolutamente nada. Mas isto nos obrigava a determinar o que de fato era essencial ao argumento, e o que nã o era.

Me
nego a acreditar que o autor tenha cometido tais equívocos e prefiro ficar com
a ideia de que algum escrevente, em ato desatento, causado por alguma exaustão,
deva ter digitado errado.

OLA BOA NOITE , MEU NOME E SANDRILEY TENHO 99 ANOS E MORO EM CAMPO GRANDE CARIACICA,HOJE É MEU PRIMEIRO DIA DE AULA ,GOSTARIA DE SABER POR FAVOR , SE PUDEREM ME INFORMAR ,TEM ALGUÉM QUE MORA EM CARIACICA E QUE POSSA FAZER VINCULO DE AMIZADE COMIGO OU ATÉ MESMO EM OUTROS ESTADOS POIS SOU TÉCNICA DE ENFERMAGEM E ESCOLHI O CURSO PELO VALOR ACHO MUITO BOM E AGRADÁVEL APRENDER A CADA DIA COM AS(OS) COLEGAS E ME APERFEIÇOAR COM O QUE VOCÊS JÁ FIZERAM E AINDA VÃO FAZER GOSTO DE TROCAR IDEIAS FICO GRATA.

9- Desconsidere as orientações anteriores pois, se sua meta for apenas a nota escolar, não tente mudar a opinião de seu professor e escreva somente o que ele quer ler. Caso contrário sofra as consequencias

Concordo com você, Aline. Uma revista DEVE seguir a norma CULTA, e ponto final! Quer escrever como quiser, não faça um artigo, produza um livro. Eu estava à procura de dicas de como escrever um bom artigo e me deparo com isso? As ideias transmitidas em seus artigos podem ser boas e interessantes, mas seu modo de escrever em língua portuguesa está deplorável. Não só sobre as regras gramaticais, mas a estrutura ficou picotada, chata de ler, feia.

Dezenas de jornalistas e colunistas desperdiç am as suas vidas e a de milhares de á rvores, ao serem tã o sectá rios e ideoló gicos que acabam sendo lidos somente pelos já convertidos. Nã o vã o acabar nem mudando o bairro, somente semeando ó dio e cizâ nia.

Que
decepção a minha ao me deparar com erros gritantes, como vírgulas ausentes ou
erroneamente posicionadas, regras gramaticais para objetos diretos e indiretos
ignoradas e até um erro de conjugação verbal.

Há frases ditas com ó dio que soam exageradas e infantis, coisa de adolescente frustrado com o mundo. A ú nica soluç ã o é sair apagando.

Mas, tendo uma ní tida imagem para quem você está escrevendo, ajuda a manter o bom senso e a humildade.

Na primeira vez você explica de um jeito, na segunda você explica de outro. Muitas vezes, eu tento encaixar ainda uma terceira versã o.

Bia, considerando que o 8775 público 8776 leitor de seus artigos é restrito apenas ao seu professor, seguem adaptações dos itens sugeridos no artigo que acredito eu se adequem à sua realidade:

8- Desconsidere as orientações anteriores e dê apenas uma 8775 passada de olho 8776 no que escreveu e entregue seu artigo. O professor se encarregará de corrigir.

Se você fizer todo o trabalho sozinho, o gê nio será você , mas você nã o mudará o mundo e perderá os aliados que quer ter.

É uma aná lise socioló gica do Brasil e tive de me preocupar com quem poderia se sentir ofendido com cada frase.

Se o leitor for esperto, ele fará o passo seguinte, chegará à terrí vel conclusã o por si só , e se sentirá um gê nio.

É muito mais fá cil escrever para a sua galera cativa, sabendo que você vai receber aplausos a cada &ldquo Fora Governo&rdquo e &ldquo Fora FMI&rdquo .

5- Desconsidere as orientações anteriores e explique sua teoria uma única vez, ou seu professor reduzirá sua nota pela 8775 redundânica 8776

Portanto, o objetivo de um artigo é convencer algué m de uma nova ideia, nã o convencer algué m da sua inteligê ncia.

Nem todo mundo entende na primeira investida, a maioria fica confusa. A segunda explicaç ã o é uma nova tentativa e serve de reforç o e validaç ã o para quem já entendeu da primeira vez.

Quando leio coisas aguais a que você escreveu, fico a cada dia mais fascinada. E realmente para se escrever bem, acima de tudo, tem que ser um bom leitor. Parabéns!!

Seu objetivo será deixar o seu leitor, no final da leitura, tã o informado quanto você , pelo menos na questã o apresentada.

Ou seja, repeti acima uma ideia mais ou menos quatro vezes, e mesmo assim muita gente ainda nã o vai saber o que quer dizer &ldquo redundâ ncia&rdquo e muitos nunca vã o seguir este conselho.

Se for para ler ideologia, prefiro ir direto na fonte, seja Karl Marx ou Milton Friedman. Pelo menos, eles sabiam o que estavam escrevendo.

6-Desconsidere as orientações anteriores. Não confie na interpretação de seu professor, se você não for claro em suas teses ele avaliará seu artigo com incompleto.

Prezado Kanitz, concordo e admiro sua honestidade! Muito da vida profissional são erros e acertos, portanto a pratica leva a perfeição, ou pelo menos a gente tenta! abs

Entã o, o segredo é colocar os dados, formular a pergunta que o leitor deve responder, dar alguns argumentos importantes, e parar por aí .

Escrever bem pode ser um dom para poetas e literatos, mas a maioria de nó s está apta para escrever um simples artigo, um resumo, uma redaç ã o tosca das pró prias ideias, sem mexer com literatura nem com grandes emoç õ es humanas.

O bom articulista é aquele que consegue transmitir o máximo de idéias utilizando o mínimo de palavras. Uma boa dica para se atingir esse objetivo é formular o oposto de cada sentença que escrevermos. Se o oposto for um absurdo aquela sentença é irrelevante e deve ser excluída do texto.

Num artigo sobre erros graves de um famoso Ministro, fiquei na dú vida se deveria sugerir que ele fosse preso e nos pagar pelo prejuí zo de 75 bilhõ es que causou, uma acusaç ã o que poderia até gerar um processo na Justiç a por difamaç ã o.

Devo entã o mudar o tí tulo ou quem lê o artigo inteiro percebe que o recado é totalmente outro?

7. Há muitos escritores que escrevem para afagar os seus pró prios egos e mostrar para o pú blico quã o inteligentes sã o.

Relia 95 vezes, seria a frase mais correta porque na maioria das vezes só mudava uma ou outra palavra, trocava a ordem de um pará grafo ou eliminava uma frase, processo que levava praticamente um mê s.

Vinte das minhas releituras sã o devido a Veja, com seu pú blico heterogê neo onde nã o posso ofender ningué m.

acho maravilhoso poder tirar nossas duvidas em questão a nossa escrita , uma critica construtiva é sempre bem vida .. porque ninguém é perfeito e é muito bom aprender com quem sabe um pouco mas que nós !!! pelo menos
ao meu ver foi de excelente ajuda !

legal e como eu vou deixar um artigo de molho por semanas sendo que na prova eu tenho 6h95 min para escrever um belo artigo que mostre como eu escrevo bem ou pelo menos como eu penso que escrevo bem, e merecer assim, uma boa nota, quero dicas práticas e não pras exceções que vivem da escrita, jornalismo, seja o que for pra se é apenas uma crítica construtiva, sem deixar de parabenizar-te pelos artigos e agradecer pelas outras dicas que serão úteis, vlw, ., 65 anos.

Teoria é que informaç ã o para ser transmitida precisa de alguma redundâ ncia, o posto de gasolina foi um exemplo.

Em tempo,
favor não julgar meu artigo pois não segui nenhuma das regras sugeridas (nem sequer reli). Portanto, me reservo o direito de, em um outro momento,mudar minha opinião e alterar totalmente o que foi escrito.
Sucesso a você

Mostrei o artigo a um amigo economista antes de publicá -lo, e qual nã o foi a minha surpresa quando ele disse indignado: &ldquo um ministro desses deveria ser preso&rdquo .

muito bom. fiquei boquiaberta com tudo exatamente o que pensamos mas vou ter que recomeçar escrever menos, ler mais..

Economizarí amos milhares de á rvores e tempo se graç as a um artigo seu, o Governo ou o FMI mudassem de ideia.

Portanto, se você sente que nunca poderá escrever, nã o desanime. Eu sentia a mesma coisa na sua idade.

Inspiraç ã o significa que você tem um bom iní cio, o meio, e dois bons argumentos. O fechamento vem depois.

Você nã o estará escrevendo para perfeitos idiotas e seus leitores vã o achar seus artigos estimulantes. Vã o achar que você os fez pensar.

Alguns escritores e jornalistas escrevem pensando nos seus chefes. Outros escrevem pensando num outro colunista que querem superar, alguns escrevem sem pensar em algué m especificamente.

O conhecimento nos leva a um patamar onde a comunicação entre todos se torna-se essencial para o amadurecimento da sociedade.

Na minha opinião você está querendo se aparecer, isso pra mim é ignorância. Pois errar é humano! Erros gramaticais encontrados em um artigo, isso é o de menos. O que importa é a ideia que o autor está querendo transmitir para o leitor.

Muito Obrigado, eu quero começar um blog e queria saber como estruturar melhor os artigos e quando você falou dos adolescentes revoltados consegui refletir para ser menos agressivo. obg

  • Esporte Nautico e Terrestre: As principais classes de vela
  • Textos de Penal: Da perda de bens
  • Como elaborar um plano de negócios 17 x 24 - Portal Sebrae
  • AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MARTINHO ÁRIAS, SOURE
  • DepressГЈo em idosos - RevisГЈo de Literatura
  • Mediação como ferramenta de resolução de.lide no procon
  • Curso FMB - Cursos para Concursos e Exame de Ordem
  • Temas para PowerPoint e Google Slides grátis para negócios
  • Cooperar é evoluir | Alfa Agropecuária
  • Livro compendio maria helena diniz capitulo 2